D. Quixote

  • 14
    Sábado
    Setembro 2019
    >
    19
    Sábado
    Outubro 2019
17.00 h

Exposição de pintura de Pereira da Silva.

Inaugurada no dia 14 de setembro, sábado, às 17 horas.

De 14 de setembro a 19 de outubro

Horário

De terça-feira a sábado, das 15 às 19 horas.


 

PEREIRA DA SILVA

Nasceu em 1952, na Ribeirada, uma pequena aldeia do concelho de Sever do Vouga, encaixada entre altas serranias cobertas de arvoredos, onde, nos longos invernos nevoeirentos e chuvosos, regatos e ribeiros correm, apressadamente, para o Vouga ruidoso, lá ao fundo.

A dureza dos trabalhos do campo e os parcos rendimentos que se poderiam retirar da terra faziam com que alguns pais fizessem o sacrifício de mandar os seus filhos estudar, para terem «outra vida».

A «outra vida» foi sair de casa ainda miúdo e ir para as «terras grandes» estudar e, depois, trabalhar. Mas o apego pela terra ficou sempre gravado, como se revela nos temas que nos tem dado a apreciar ao longo dos anos. Em toda a sua obra transparece a ironia de algumas criações humanas, como é o caso dos espantalhos. Estes, não cumprido a função para que foram criados, põem em causa o criador: «Deus criou o Homem à sua imagem e semelhança» e o Homem criou os espantalhos à sua imagem e semelhança... costuma afirmar o pintor.

Outro tema que o fascina e é recorrentemente trabalhado ao longo, talvez, de 20 anos são as figuras/personagens da obra de Cervantes: El Ingenioso Hidalgo don Quijote de La Mancha. Este, de tanto ler  romances de cavalaria,  que lhe devem ter dado a volta ao miolo, pois abandonou quase tudo o que era hábito fazer e sai da sua terra, acompanhado do fiel escudeiro Sancho Pança e envolve-se nos mais variados e rocambolescos episódios, alguns dos quais o pintor procurou representar nesta exposição temática. 

Pereira da Silva pinta desde1986.
Primeiro como aguarelista autodidata e, nos últimos 20 anos, participa em vários workshops de pintura e passa a utilizar sobretudo acrílicos, mantendo a realização esporádica de aguarelas.

Realiza exposições, com regularidade, desde 1989,  contando, até ao momento, cerca de uma centena de exposições em Portugal e Espanha: Corunha/Oroso (2); Aveiro – S. Vouga (3); Casa da Cultura da Comporta (1); Galeria Municipal de Corroios (1); Palmela (3); Setúbal (40): Casa da Cultura, Hotel Golf do Montado, Hotel do Sado, Galeria do Ex- Banco de Portugal, Casa d’Avenida, Convento de Jesus; AERSET, MAEDS; Beja (2), Góis (6); Bienal de Paço de Arcos (2); Bienal de Artes Plásticas da Festa do Avante! (2), Grândola - Espaço Garrett (2); Lisboa - AAGP (1); Estoril (1); Almada (1); Mértola (2); Figueira da Foz (2); Algarve-Monchique (1); Moita (1); Montijo (1); Sesimbra (1); Lousal (1); Museu Sebastião da Gama - Azeitão (5); Viseu (2). 
Tem trabalhos que integram coleções institucionais e sobretudo de particulares, no nosso país e em diversos países Europeus.

Referenciado nos media e na web: JN, CM; Setubalense; Setúbal na Rede; IN Setúbal; donquijote.org/vmuseum; absolutearts.com/portfolios/c/carlota/.

Eventos relevantes em que participou:

- Co-autor do painel gigante alusivo ao bicentenário da morte de Bocage – 2005.
- Ilustração de livros de poesia.
- Selecionado por empresa de Nova Iorque para dar corpo a rotulagem de garrafas de vinho, através das suas obras.
- Ilustração de «Os Lusíadas Manuscrito», 4 obras selecionadas - Museu da Presidência da República – 2007.
- Representação em diversas coleções particulares e institucionais, em Portugal e no estrangeiro.
- Fundação Fréderic Velge; LASA;
- Selecionado no concurso nacional, com 3 projetos de pintura tridimensional do Golfinho Parade (Câmara Municipal de Setúbal, 2011 e 2016), em exposição pública junto à Doca dos Pescadores.
- International Surrealism Now (2012).

Público-alvo
Geral

Telefone 915 633 228

Email quintadafidalga@cm-seixal.pt

Preço
Entrada livre
a
Adicionar evento

Está aqui