Planos

A Rede Social tem por base uma metodologia de planeamento estratégico que perspetiva o desenvolvimento social e procura diagnosticar necessidades, constrangimentos, recursos e potencialidades, propondo soluções num processo participado, desenvolvido numa parceria efetiva e dinâmica, com a intervenção social dos diferentes agentes locais. Neste sentido, o planeamento estratégico é uma metodologia de gestão, tendo em conta a intervenção ou a execução de projetos e ações definidas em parceria. É um processo contínuo e flexível, suscetível às mudanças que ocorrem no território, que é monitorizado por uma parceria ativa, dinâmica e multidisciplinar, na qual se gerem os interesses e as necessidades para o concelho e se traçam estratégias que beneficiem as partes envolvidas.

Os instrumentos de planeamento estão definidos no Decreto-Lei n.º 115/2006, de 14 de junho.

Plano de Desenvolvimento Social

O Plano de Desenvolvimento Social é um instrumento estruturante baseado em dinâmicas de rede e parceria que, em sinergia com o Diagnóstico Social Municipal e outros instrumentos de planeamento estratégico, define os objetivos e estratégias adequadas para responder às necessidades e problemáticas das populações, assentes na promoção do desenvolvimento social, na prevenção dos riscos de pobreza e de exclusão social e na atuação sobre os determinantes proporcionadores de assimetrias e desigualdades sociais.

Plano de Ação Concelhio

O Plano de Ação Concelhio é um documento de planeamento anual, onde se identificam os projetos e as intervenções previstas para cada ano, devidamente enquadradas nas estratégias definidas no Plano de Desenvolvimento Social.

Plano Municipal para a Igualdade de Género e Oportunidades do Seixal (PMIGO)

O Plano Municipal para a Igualdade de Género e Oportunidades do Seixal (PMIGO) é o resultado de um trabalho iniciado em 2002, com o desenvolvimento de ações de informação, sensibilização e formação, atuando sobre temáticas inseridas na defesa dos direitos das mulheres e promoção da igualdade de género, materializado aquando do desafio lançado no âmbito da realização da 1.ª edição da Semana Social, em 2007, no qual foi estabelecido o compromisso da parceria da Rede Social do Seixal com a Assembleia Municipal para a realização de um diagnóstico de género e apresentação de um plano de ação sobre a igualdade de género no concelho do Seixal, até final de 2009.

Está aqui